Categorias
Artigos

O inimigo invisível

Nos últimos anos, a Europa passou por momentos economicamente delicados. Portugal, por exemplo, teve uma alta taxa de desemprego e assistiu uma geração de jovens prestes a entrar no mercado de trabalho, perder a fé de viver no país. Por mais que ainda exista reflexos de dificuldade econômica na Zona do Euro, é certo que as nações afetadas estão reagindo e o momento atual não é tão caótico como em anos anteriores, por mais que ainda haja complicações sociais devido a um período confuso. Colo (2017)  faz parte desse contexto e se dedica a radiografar tal fase em Portugal a partir de uma família pertencente à classe média lisboeta que, em razão aos obstáculos originados durante a crise do capital, estaciona em um furacão.